Menu

Marcas lucram com as espiadinhas no BBB 16

Em sua 16ª edição, o Big Brother Brasil continua atraindo um público fiel e se mostrando uma importante vitrine de divulgação para as marcas.

Em fevereiro, 27% dos paulistanos maiores de 16 anos assistiram ao reality da TV Globo (o que equivale a 2,6 milhões de pessoas). Entre os espectadores habituais da atração, a maioria são mulheres e jovens, sendo que o maior grupo é formado por pessoas de 16 a 40 anos.

Segundo a pesquisa Painel de Retenção de Merchandising (PRM), do Datafolha, cinco marcas fizeram ações no BBB 16 e todas foram lembradas espontaneamente pelos espectadores da atração.

São elas: Guaraná Antarctica, Fiat, L’Oréal, Smart Fit e Kibon. Dessas, o refrigerante foi a marca mais lembrada, sendo citado por 25,6% dos espectadores.

Além da lembrança de marcas, o PRM também mensura o grau de afinidade entre as ações de merchandising e o programa. Em fevereiro, as ações no BBB se destacaram por sua Adequação (155 pontos em uma escala até 200); Contextualização (149), Execução (146) e Credibilidade (144), sinalizando que o público aprovou as inserções das marcas no contexto do reality comandando por Pedro Bial, avaliando que elas agregam conteúdo ao programa.

Confira os gráficos abaixo:
 

Marcas lucram com as espiadinhas no BBB 16

Guaraná Antarctica, Fiat, L’Oréal, Smart Fit e Kibon foram lembradas pelos espectadores do BBB16 Crédito: Divulgação/Tata Barreto

Marcas lucram com as espiadinhas no BBB 16

Crédito:

Marcas lucram com as espiadinhas no BBB 16

Crédito:

Marcas lucram com as espiadinhas no BBB 16

Crédito:

Metodologia

Técnica
Pesquisa quantitativa, com abordagem pessoal em pontos de fluxo populacional. As entrevistas foram realizadas mediante aplicação de questionário estruturado. A checagem cobriu, no mínimo, 20% do material de cada pesquisador.

Universo
População em geral, a partir de 16 anos, residente na cidade de São Paulo. Amostra 622. Margem de erro 4 p.p.

Telespectadores* do programa Big Brother Brasil 16, com 16 anos ou mais, residentes na cidade de São Paulo. Amostra 169. Margem de erro 169 8 p.p

Data de campo
A coleta de dados foi realizada ao longo de todo o mês de fevereiro de 2016

(*) Assistiram, mesmo que de vez em quando, ao programa Big Brother Brasil 16, no mês de fevereiro/16.
(**) Margem de erro máxima, para mais ou para menos, dentro de um nível de confiança de 95%.

Indicadores qualitativos

Impacto — presto mais atenção às marcas
Agrado — gosto de propagandas
Credibilidade — as propagandas ou promoções têm mais credibilidade
Diferenciação — as marcas passam a ideia de ser melhores
Adequação — as propagandas combinam com o programa
Execução — as propagandas mostram melhor os benefícios do produto
Relevância —
as propagandas dizem algo importante para você
Persuasão — tenho vontade de comprar as marcas dos produtos
Contextualização — gosto da forma como as propagandas acontecem
 

Agência Baloodesign - Publicidade Jundiaí - Leia mais no original http://www.meioemensagem.com.br/home/midia/noticias/2016/03/17/Marcas-lucram-com-as-espiadinhas-no-BBB-16.html