jan 05, 2020

9 dicas para ajudá-lo a encontrar novas histórias para o seu marketing de conteúdo

O marketing de conteúdo só funciona quando é honesto, quando você está fornecendo algo de valor (não apenas forçando o conteúdo na frente de alguém). Para fazer isso bem, você precisa de ideias fortes que criam conexões porque são interessantes, envolventes e relevantes para as pessoas. Mas apresentar essas ideias pode ser um desafio, seja você um iniciante na criação de conteúdo ou um experiente.

Sabemos em primeira mão o quanto é difícil fazer um brainstorming de qualidade, já que fazemos marketing de conteúdo há uma década. E foi pensando em dias em que o brainstorming não flui e as ideias não aparecem que montamos essas 9 dicas para ajudar você a inspirar suas histórias de marketing de conteúdo.

 

Muito mais do que dicas. São 9 maneiras de criar histórias interessantes sobre marketing de conteúdo.

Sua marca tem inúmeras histórias para contar. Às vezes, você só precisa mudar seu ponto de vista para poder debater melhor. Aqui, reunimos alguns dos nossos ângulos favoritos para ajudar você a encontrar inspiração. Esperamos que você os use e conte ótimas histórias.

 

1) Conte uma história que só você pode contar

As histórias originais são uma das suas maiores vantagens competitivas. Uma história do seu negócio, um insight do dia a dia ou uma revelação única podem facilmente se tornar um conteúdo com poder de atração e envolvimento. Mas onde encontrar essas informações? Fique de olho em documentos técnicos, pesquisas de mercado, pesquisas com clientes, feedback de vendas, etc. Essas informações podem parecer cotidianas e sem interesse para você, mas garantimos que, se forem trabalhadas de forma correta, podem gerar muito interesse.

Como exemplo temos o LinkedIn, que transformou os dados de seu enorme banco de dados no relatório mensal da força de trabalho, um conteúdo valioso que gera interesse de milhares de pessoas a respeito do mercado de trabalho no mundo.

 

2) Resolver um problema

Se você quer realmente prestar serviço às pessoas, resolver os problemas delas é provavelmente a melhor maneira de fazê-lo. Para sua informação, resolver um problema pode significar muitas coisas: fornecer a elas as informações necessárias para tomar uma decisão, fornecer uma ferramenta para melhorar suas vidas, etc. O marketing de conteúdo é ótimo porque existem muitos tipos de conteúdo que você pode criar para fazer isso.

Para a franquia de bolos Bolo da Madre, lidar com o atendimento diário em cada franquia pode parecer confuso. Para ajudar nos processos de atendimento e reverter reclamações simples sobre o atendimento, nós criamos um manual de atendimento presencial em formato auto explicativo para orientar as pessoas no processo.

 

3) Ensinar as pessoas a fazer algo

Capacitar as pessoas com as habilidades ou conhecimentos necessários para fazerem algo é extremamente valioso. Seja um tutorial de produto, um projeto DIY ou um vídeo explicativo, há muitas histórias úteis para contar através do marketing de conteúdo. O conteúdo visual é especialmente útil aqui, pois permite que as pessoas “vejam” o processo, mas histórias de texto também podem ser muito poderosas. Durante o processo de ensino, criamos uma empatia com as pessoas que as aproximam com nossas marcas. Esse laço de confiança é muito poderoso e duradouro. Na próxima vez que estiver com dificuldade para criar uma nova história, pare e pense o que o seu negócio tem de conhecimento que possa ser ensinado para as pessoas.

 

4) Conte histórias relevantes para um grupo específico

Você provavelmente não terá sucesso criando conteúdo para todos no mundo, por isso é importante restringir quem você está tentando se conectar e o que eles estão interessados. Se você entender intimamente quem eles são, o que eles precisam e como eles estão tentando melhorar suas vidas, você pode contar as histórias que eles mais precisam. Criar personas de marketing é o primeiro passo para entender essas pessoas. Se você não tem ideia de como criar uma persona, aqui está o nosso passo a passo.

 

5) Use empatia

Além da relevância, você deseja que as pessoas possam se conectar intimamente com seu marketing de conteúdo. Você quer que ele fale com eles de maneira tão específica que os faça pensar: “Uau, você realmente me entende”. O marketing de conteúdo empático é uma ótima maneira de conseguir isso. 

 

6) Conte histórias com significado

O marketing de conteúdo não é fofo, meigo e carinhoso? Não é desse significado que estamos falando. O poder de engajamento e ações com significados profundos trabalham com emoções mais fortes das pessoas e esse conteúdo pode se tornar inspirador para suas ações. Por quê? Porque grandes histórias trabalham sentimentos e isso impacta você, mas para isso expanda sua mente e mude sua perspectiva. Considere maneiras pelas quais seu serviço ou produto está mudando ou buscando mudar o mundo ou a vida das pessoas. Como você pode transformar isso em uma história impactante? 

Como exemplo temos histórias que realizamos para a SomosTodosPet onde parte da compra de rações era revertida para cachorros em abrigos, para a Bolo da Madre, em que parte da verba arrecadada com as vendas do Bolo Sonho são doadas para um associação de cuidado de crianças ou para a Salvando Vidas Animais de Jundiaí promovendo eventos para ajudar os Pets abandonados de Jundiaí e região.

 

7) Uma nova abordagem para assuntos antigos

Você não precisa reinventar a roda com ideias inovadoras. Às vezes, adotar uma nova abordagem para um assunto antigo, obsoleto ou até mesmo tradicional pode apresentar ótimos resultados. Essa nova abordagem não apenas intriga as pessoas, mas mostra sua perspectiva única e criativa sobre o assunto.

 

8) Desmistificar um assunto

O marketing de conteúdo é uma ferramenta fantástica para educar as pessoas de uma maneira única. Dependendo do seu negócio, pode haver conceitos, questões complexas ou que possam exigir explicações mais profundas sobre sua composição, funcionamento, qualidade, etc. O marketing de conteúdo é uma ótima maneira de esclarecer dúvidas e apresentar resultados sobre esses assuntos.

Se você não tiver certeza de que tipo de assuntos pode trazer clareza, pergunte à sua equipe de vendas se há coisas específicas que eles precisam constantemente explicar ou boatos sobre produtos e serviços que mereçam ser confrontados. Você também pode explorar oportunidades em notícias publicadas em veículos de grande circulação abordando pontos da notícia com os quais você tenha conhecimento ou experiência específicos.

Um ótimo exemplo é a campanha realizada pelo McDonald’s da Finlândia intitulada “Our Food, Your Questions.” com objetivo de aumentar a percepção da qualidade dos alimentos e a confiança da marca. Durante a campanha o website do McDonald’s respondeu com vídeos e textos mais de 1.700 perguntas sobre seus produtos e serviços. Ao final da campanha o índice de percepção de qualidade de alimentos do McDonald’s aumentou 29% e o índice de confiança da empresa em 35%. No geral, as vendas do McDonald’s cresceram 14% durante o período de 1 ano.

 

9) Humanize sua marca

Uma das melhores histórias que você pode contar é a sua própria história de marca. Quem é você? Você se importa com o quê? Quem são as pessoas que fazem o seu negócio funcionar? Contar histórias sobre esses assuntos ajuda as pessoas a formar uma conexão mais genuína com os seres humanos por trás da sua marca.

O Marketing de Cultura (sim, falei de cultura e não cultural) é uma maneira fantástica de fazer isso. Confira nosso guia de marketing de cultura para descobrir o que é e como começar.

Esperamos que esse conteúdo tenha ajudado você a descobrir mais sobre o marketing de conteúdo. Caso queira saber mais entre em nossa área de sacadas e continue descobrindo mais. Agora, se você está travado no seu crescimento ou não tem pessoal técnico para o assunto, nos envie uma mensagem que iremos adorar bater um papo de como nossos serviços poderão ajudar o seu negócio.